CPVI - Centro de Pesquisa da Visão Integrativa

Tel: (11) 3256 3368

E-mail: cpvi@cpvi.com.br

Domingo, 23 de Julho de 2017 - Bom dia!
Óculos / Lentes
Acupuntura
Artigos Diversos
Baixa Visão
Cirurgias Oculares
Dependências
Editorial
Espiritualidade
Exercícios Oculares
Funções dos olhos
Homeopatia
Iridologia
Medicina psicossomática
Palestras
Qualidade de Vida
Vídeos
Eventos
Links
Depoimentos
Faça sua adesão na CPVI

Baixa Visão

Auxílios não ópticos


Quando óculos ou lentes de contato não podem proporcionar visão adequada, podemos lançar mão de um auxílio óptico. Essa condição não deveria ser confundida com cegueira. Pessoas com visão sub-normal ainda têm visão útil a qual pode ser melhorada com recursos ópticos especiais. A deficiência visual pode ser menor ou maior dependendo da patologia ou lesão ocular de cada indivíduo.

A melhora visual com recursos ópticos especiais é geralmente alcançada após seu oftalmologista ter completado o tratamento clínico ou cirúrgico ou determinado que estes procedimentos não serão suficientes para a melhora da visão. Embora o mais comum seja a redução da visão central, a visão sub-normal pode também ser conseqüência de diminuição da visão periférica, ou da diminuição da visão para cores da incapacidade para definição adequada de luz, contraste ou foco.

Diferentes tipos de visão sub-normal podem exigir diferentes tipos de assistência oftalmológica. Por exemplo, pessoas que nascem com visão sub-normal têm diferentes necessidades daquelas que apresentam o problema com o decorrer da vida.

Causas

Embora a maior incidência seja em idosos, pessoas de todas as idades podem ser acometidas. A visão sub-normal pode ocorrer por causa congênita, doenças hereditárias, traumas, diabetes, glaucoma, catarata e doenças relacionadas a idade. A causa mais comum é a degeneração macular do idoso